ZJ Mineração e Terraplanagem

Notícias

VALE REDUZ EM 84% AS EMISSÕES VISÍVEIS DE SUAS OPERAÇÕES EM TUBARÃO

Postado 03/02/2015 VALE REDUZ EM 84% AS EMISSÕES VISÍVEIS DE SUAS OPERAÇÕES EM TUBARÃO

Ao longo dos últimos dois anos, a Vale conseguiu reduzir em 84% suas emissões de poeira visíveis provenientes de pátios, chaminés e de outros locais onde há manuseio e movimentação de nossos produtos (minério, carvão e grãos), como o embarque dos navios no Complexo de Tubarão, no Espírito Santo. Mensurar este resultado foi possível diante do trabalho do Centro de Controle Ambiental (CCA), que monitora atentamente 24 horas por dia todo e qualquer desvio em nossas operações, atuando preventivamente em conjunto com as áreas operacionais a fim de evitar e minimizar as emissões.

Esse olhar cuidadoso é garantido pelas 22 câmeras posicionadas em pontos estratégicos e por uma equipe de cinco operadores que se revezam no monitoramento das nossas atividades. Quando identificada alguma ocorrência ambiental, ela rapidamente é comunicada às áreas operacionais para a correção dos problemas. Todos os dias, são enviados relatórios para as áreas, que auxiliam na gestão ambiental e a melhoria continua de nossos resultados.

Dentre as câmeras que transmitem as imagens para o Centro, 20 estão instaladas em pontos estratégicos, localizados dentro do complexo, como usinas, pátios e porto; e duas são externas (no Hotel Senac, na Ilha do Boi, e Hotel Aruan, em Mata da Praia), que mostram a visão da comunidade sobre as nossas operações. Além de ajudar a identificar e tratar possíveis ocorrências ambientais, as imagens do CCA permitem também a distinguir as emissões entre as diferentes empresas presentes na ponta de Tubarão.

 

Vale


COMPARTILHAR NOTÍCIA:
Responsabilidade Sócioambiental. Acompanhe. Seção Multimídia. Ver vídeos. Trabalhe Conosco.
Notícias

Os incríveis músculos artificiais de fibra de carbono

Postado 07.05.2018

Supermúsculos Será que seus músculos estão afiados o suficiente para levantar algo equivalente ao seu próprio peso? Pois estes novos músculos artificiais já nasceram sarados: ...

Leia mais Ver todas as notícias